RAPIDINHAS

sexta-feira, 28 de maio de 2021

Não suporta alguns sons? Já ouvir falar em Misofonia?

Sabe aqueles sons que a maioria das pessoas não percebem, mas você tem uma reação de aversão quando os percebe como: pessoas comendo, respirando, mastigando, assoando o nariz, clicando em canetas ou até digitando.


Pois bem você pode ter a síndrome de sensibilidade seletiva a sons - Misofonia. É uma condição na qual certos sons desencadeiam uma explosão marcada por irritação, raiva ou agressão. Pessoas com misofonia reagem de maneira extrema e frequentemente emocional a certos sons "desencadeadores". As reações variam de aborrecimento, fuga ou mesmo raiva, com alguns indivíduos atacando violentamente.




O que causa a Misofonia?


Uma equipe de pesquisa britânica estudou 20 adultos com misofonia e 22 sem ela. Todos eles classificaram o desagrado de diferentes sons, incluindo sons de gatilho comuns (comer e respirar), sons universalmente perturbadores (de bebês chorando e pessoas gritando) e sons neutros (como chuva). Como esperado, pessoas com misofonia classificaram os sons desencadeadores de comer e respirar como altamente perturbadores, enquanto aqueles sem eles não o fizeram.

Os pesquisadores também observaram que pessoas com misofonia mostraram sinais fisiológicos de estresse muito maiores (aumento de suor e frequência cardíaca) para os sons desencadeantes de comer e respirar do que aqueles sem ela. Nenhuma diferença significativa foi encontrada entre os grupos para os sons neutros ou os sons perturbadores de um bebê chorando ou pessoas gritando.

A descoberta importante da equipe foi em uma parte do cérebro que desempenha um papel tanto na raiva quanto na integração de informações externas (como sons) com informações de órgãos como o coração e os pulmões: o córtex insular anterior. Usando técnicas para medir a atividade cerebral, os pesquisadores descobriram que ocorreu mais atividade em partes diferentes do cérebro durante os sons de gatilho para aqueles com misofonia do que para o grupo de controle. Especificamente, as partes do cérebro responsáveis ​​por memórias de longo prazo, medo e outras emoções foram ativadas. Isso faz sentido, uma vez que as pessoas com misofonia têm fortes reações emocionais a sons comuns; mais importante, demonstra que essas partes do cérebro são as responsáveis ​​pela experiência da misofonia.

A misofonia por aparecer em pessoas que também têm transtorno obsessivo-compulsivo (TOC), síndrome de Tourette e transtornos de ansiedade.

Quais os sintomas da Misofonia?

O principal sintoma da misofonia é uma reação extrema em resposta a outras pessoas fazendo certos sons como:
  • Raiva
  • Evasão
  • Aborrecimento
  • Nojo
  • Agressão verbal ou física
A resposta que uma pessoa com misofonia tem a esses gatilhos costuma ser chamada de "autonômica" e, às vezes, comparada à resposta do corpo de "lutar ou fugir".


Quais os gatilhos para a Misofonia?

Embora a misofonia às vezes seja comparada a outra condição chamada hiperacusia, os gatilhos da misofonia tendem a ser sons suaves do dia a dia; na verdade, muitos deles parecem envolver funções corporais. A seguir estão os gatilhos comuns:
  • Respiração
  • Mastigação
  • Digitação
  • Pratos fazendo barulho ou colheres raspando nos pratos
  • Cachorros latindo
  • Corte de unha
  • Batendo as pernas
  • Engolindo em seco
  • Estalando os lábios
  • Chiado no nariz
  • Assoando o nariz
  • Espirros
  • Cheirando
  • Bufando
  • Assobio
  • Bocejando


Misofonia tem tratamento?

Atualmente, não há tratamentos estabelecidos para a misofonia. No entanto, algumas opções de tratamento que podem ser benéficas incluem terapia cognitivo-comportamental, técnicas de relaxamento que podem ajudá-lo a controlar os sintomas da misofonia. Você também pode conversar com outras pessoas sobre a condição. As pessoas próximas serão capazes de evitar fazer certos ruídos ao seu redor - como chiclete ou assobio - se souberem que isso pode desencadear uma reação negativa.



Fonte: [1]. [2].[3].[4].[5].[6]
  • Comentários do Blog
  • Comentários do Facebook

1 comentários:

Avaliado item: Não suporta alguns sons? Já ouvir falar em Misofonia? Descri��o: Classifica��o: 5 Revisado por: Adriana Cordeiro