RAPIDINHAS

quarta-feira, 20 de junho de 2018

Todas as Células do Nosso Corpo Possuem o Mesmo DNA?


Somos formados por meio do desenvolvimento de uma única célula chamada de zigoto diploide (2n), essa única célula surgiu da união de um óvulo e um espermatozoide ambos haploides (n). Ou seja, recebemos metade de nosso DNA da nossa mãe e a outra metade do nosso pai (isso nos torna únicos - a menos que você tenha um irmão gêmeo idêntico).

Esta primeira célula vai se dividir fazendo cópias de si mesma (ou seja, copiando o mesmo DNA) até a formação completa de um embrião e continuar se multiplicando sempre que necessário até o final das nossas vidas, formando as mais de 37 trilhões de células do nosso corpo.  Então, com algumas exceções, a maioria das células do nosso corpo têm o mesmo DNA e os mesmos genes. Mas como elas são tão diferentes?

À medida que as células se dividem, elas expressam genes diferentes. Expressão significa que a mensagem do DNA está sendo transcrita (copiada) e traduzida (codificada e transformada) em proteína. Células diferentes têm tarefas diferentes para fazer, sendo assim as células do pâncreas, por exemplo, irão produzir proteínas diferentes das células da pele, embora seu DNA seja o mesmo.

Mas, e as exceções:
- Glóbulos vermelhos maduros que não contêm DNA.
 - O espermatozoide e o óvulo que são haploides, ou seja, contêm metade do total de DNA de uma célula somática.
- Células B nas quais partes do DNA foram rearranjadas para produzir anticorpos.

Para deixar o nosso estudo ainda mais curioso, quando o zigoto é formado e começa a se dividir, muitas de suas primeiras células descendentes acabam tendo o número errado de cromossomos. Alguns são duplicados acidentalmente e outros perdidos. Trechos de DNA podem ser copiados ou excluídos. Isso pode gerar o que chamamos de mosaicismo, células com diferentes DNAs. Estudos sugerem que o mosaicismo está por trás de algumas doenças.

Agora temos outro caso em que isso pode acontecer, no quimerismo, onde células de indivíduos diferentes coexistem em um mesmo corpo. Nesse caso o que ocorre é que existem dois zigotos fecundados, o que daria origem a gêmeos, mas esses zigotos de fundem dando origem a apenas um embrião, formando uma quimera, um feto com duas linhagens de células geneticamente distintas.










  • Comentários do Blog
  • Comentários do Facebook

1 comentários:

Avaliado item: Todas as Células do Nosso Corpo Possuem o Mesmo DNA? Descri��o: Classifica��o: 5 Revisado por: Adriana Cordeiro