RAPIDINHAS

quinta-feira, 11 de junho de 2020

Quais os animais mais fiéis?

No Reino Animal, como o amor acontece, eles não usam alianças, nem fazem cerimônias, mas alguns quando encontram sua cara metade, eles estão prontos para se comprometer.

Quando pensamos em monogamia no reino animal, tendemos a pensar em monogamia sexual, significando que um casal de animais, têm olhos exclusivamente um para o outro. Mas a maior parte da monogamia no reino animal é na verdade monogamia social, o que significa que, casais criam seus filhos juntos e passam boa parte do tempo na companhia um do outro  - mas também ainda tem "cópulas de pares extras" fora do seu relacionamento.

Os cientistas estimam que menos de 3% das aproximadamente 5.000 espécies de mamíferos do mundo praticam qualquer forma de monogamia. Essa raridade aparece também em outras espécies, exemplo mais 90% de todas as espécies de aves são apenas socialmente monogâmicas, vivendo e criando filhotes juntos, mas muitos frequentemente tem cópulas com outros parceiros.

Segue a lista de 14 animais conhecidamente monogâmicos, a verdade é que a monogamia no reino animal pode ser rara, mas é tudo menos chata.

14 - Gibão
Esses pequenos símios têm relacionamentos que podem espelhar os dos humanos, pois os casais trapaceiam, terminam e até se casam novamente. Os relacionamentos não são fáceis, mesmo para esses animais monogâmicos. Para os casais de primatas que ficam juntos, eles se preparam e ajudam igualmente a criar seus filhos.

13 - Lobo Cinzento
Nas relações familiares são ainda mais fiéis e piedosos do que os seres humanos. Um macho alfa e sua parceira são basicamente um casal poderoso; a hierarquia social de todos os outros lobos cinzentos do bando depende deles. 


12 - Cavalos-marinhos
Muito antes de os cavalos-marinhos carregarem seus bebês na bolsa, eles flertam com potenciais parceiros, entrelaçando caudas e dançando entre si. Os cavalos-marinhos fêmeas, por outro lado, podem ficar com ciúmes e competir entre si por um determinado macho. Os cavalos-marinhos geralmente têm uma vida útil bastante curta, quando um deles morre o outro fica ao lado imóvel, esperando também a sua morte.

Fonte
11 - Cisnes
Embora comumente considerados símbolos de amor e fidelidade, os cisnes são apenas socialmente - não sexualmente - monogâmicos.


10 - Corujas Nevadas
Pares de corujas nevadas  normalmente acasalam por toda a vida. A única exceção a isso ocorre quando há excesso de alimentos; nesse caso, duas fêmeas podem procriar com um macho.

9 - Dik-diks
Uma espécie de adorável e minúsculo antílope. Os machos seguem suas companheiras o ano todo, mantendo-se próximos a elas para evitar intrusos, a marcação de território é pesada. São bastante ciumentos, a ponto do pai expulsar o filho para não se aproximar da mãe.
Fonte
8 - Ratazanas da pradaria
As ratazanas da pradaria acasalam-se exclusivamente com a fêmea para a qual perdem a virgindade. Uma vez ligados aos pares, os machos são tão dedicados que atacam outras fêmeas que se aproximam deles. As ratazanas femininas, por outro lado, nem sempre querem ser amarradas a apenas um macho sexualmente, mesmo que tenham um vínculo social com eles. Quando se unem, o cérebro das ratazanas da pradaria libera uma enxurrada de hormônios em um processo notavelmente semelhante ao que os humanos experimentam quando estão apaixonados.


7 - Abutres negros
Os abutres têm uma reputação bastante sombria, mas pelo menos, podem ser assustadores com um companheiro amoroso. Durante o namoro, os urubus machos circundam as fêmeas com pescoços estendidos e depois as perseguem e mergulham em sua direção. Os casais ficam juntos o ano todo e, uma vez que os ovos se juntam à família, eles se revezam em incubações por turnos de 24 horas. Estes pássaros são grandes crentes na monogamia. Eles são tão crentes que, se um abutre for pego traindo seu parceiro - o que acontece muito raramente - o trapaceiro será atacado por um grupo de seus companheiros abutres.

Fonte
6 - Macacos coruja 
Esses pequenos habitantes de árvores tropicais acasalam por toda a vida e são completamente monogâmicos, com os machos assumindo a maior parte das responsabilidades de criar os filhos.


5 - Ratos da Califórnia
Espécie de roedor nativo da Califórnia e do México, esses ratos são social e sexualmente monogâmicos. Sendo que os ratos machos da Califórnia assumem a maior parte das responsabilidades dos pais.



4 - Águias
Uma das aves mais incríveis, as águias acasalam com um parceiro por toda a vida, mas com duas ressalvas. Se um ou os dois não puderem gerar filhos, eles se separarão e procurarão outros parceiros; além disso, se alguém morrer, o sobrevivente não hesitará em aceitar um novo companheiro.

Fonte

3 - Pinguim
Os pinguins acasalam por toda a vida? Bem, alguns, mas não todos. Os representantes desse amor monogâmico são os afetuosos pinguins-macarrão. Esses casais adoráveis ​​dançam quando se veem. Eles estufam o peito, balançam a cabeça de um lado para o outro e emitem um som borbulhante. Depois que o bebê nasce, o pai cuida do recém-nascido enquanto a mãe procura comida.


2- Schistosoma mansoni
Não há nada de romântico no Schistosoma mansoni, um verme parasita que usa caracóis de água doce para chegar aos seres humanos. Uma vez aderida à pele humana, geralmente penetra na epiderme através de um folículo piloso e deposita larvas que se alimentam de sangue no sistema linfático e nos pulmões. Quando as larvas migram para o coração, elas começam a procurar um amor. As larvas dos machos abrigam as fêmeas por toda uma vida. Monogamicamente unidos viajam para as veias mesentéricas que drenam o sangue do intestino. Juntos, unidos um ao outro eles atingem a maturidade sexual e produzem cerca de 300 ovos por dia.


E, no topo da lista.


1 - Diplozoon paradoxum
Vermes do filo platelmintos conhecidos como ectoparasitas de peixes e principalmente por sua monogamia completa. Um jovem D. paradoxum, chamado diplora, se acomoda nas brânquias de um peixe e espera por um companheiro. Se outro nunca aparecer, o único parasita simplesmente morrerá jovem de solidão. No entanto, se outro surgir, aaaaa o amor acontece, os dois vermes realmente irão fundir seus corpo e se tornam adultos, com um produzindo testículos e o outro produzindo ovários, permitindo que eles se fertilizem continuamente. E é assim que eles vão ficar - para sempre. Emocionante!!.


Simplesmente celebrem o amor seja ele como for, hoje vamos terminar esse post com uma linda frase de Paulo Coelho, para todos os casais sem exceções.

"O amor simplesmente é... Não há definições. Amor. E não faça perguntas demais. Apenas ame". (Paulo Coelho)



Referencias

  • Comentários do Blog
  • Comentários do Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Avaliado item: Quais os animais mais fiéis? Descrição: Classificação: 5 Revisado por: Adriana Cordeiro