RAPIDINHAS

sexta-feira, 7 de setembro de 2018

Os papéis essenciais da divisão celular


A habilidade dos organismos de reproduzir a própria espécie é a característica que melhor diferencia nós seres vivos da matéria morta. Essa capacidade única de procriar, como todas as funções biológicas tem base celular.

Na biologia a célula é definida como a unidade básica envolta por uma membrana que contém as moléculas fundamentais da vida e das quais todas as coisas vivas são compostas. A única maneira de construir uma nova célula é dividindo a célula existente em duas. Como o genoma (a sequência completa do DNA) é uma parte essencial de uma célula, é necessário que o DNA seja duplicado antes da divisão celular.

Nos organismos eucariontes e sexuados ocorrem dois tipos de divisão celular: a Mitose, que forma células com o mesmo número de cromossomos e as mesmas informações genéticas da célula-mãe, e a Meiose, que reduz esse número à metade dando origem a células haploides (n).

A divisão celular desempenha vários papéis essenciais para a vida de um organismo. A mitose é essencial para o crescimento, para a renovação de suas células e para a regeneração de partes do seu organismo, por exemplo, as células em divisão da medula humana produzem continuamente novas células sanguíneas. A meiose nos animais dá origem aos gametas; nos vegetais, produz esporos, o que permite que os cromossomos do pai e os da mãe se juntem na célula-ovo e componham o patrimônio genético do filho.

A divisão celular é um processo que integra o ciclo celular - período entre divisões sucessivas de uma célula, ou seja, tempo de vida de uma célula desde a formação pela divisão da célula parental até a sua própria divisão em duas células.

O ciclo celular é um processo fascinante e complexo, e devido a isso, surgiram diversas áreas de interesse dentro desse campo de estudo. Pesquisas por exemplo, de genes e proteínas que influenciam na passagem das fases do ciclo celular já foram identificados, com na alteração da expressão desses genes e proteínas sendo eles geralmente classificados como oncogenes. Existem proteínas agem para manter a célula em pontos distintos no ciclo (pontos de checagem) e são conhecidas como genes supressores de tumor, é um processo fascinante que inclui seus próprios mecanismos de reparo e auto-edição. Se você estuda ou pesquisa na área contribua com seu conhecimento, faça um comentário ou nos envie um post. Vale a pena ler, estudar e se aprofundar no assunto.


Fonte: CAMPBELL N.A., REECE J. B. Biologia. 10. ed., Porto Alegre: Artmed, 2015.


Linhares, Sérgio. Gewandsznajder, Fernando. Biologia hoje. Volume I,. São Paulo. Ática, 2012.


Fonte





  • Comentários do Blog
  • Comentários do Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Avaliado item: Os papéis essenciais da divisão celular Descrição: Classificação: 5 Revisado por: Adriana Cordeiro