RAPIDINHAS

segunda-feira, 30 de julho de 2018

Já ouvi falar em Ozonioterapia?

O que sabemos então sobre ela? A ozonioterapia é uma técnica que possibilita o atraso no desenvolvimento de um grande número de distúrbios de saúde. Retorna ao corpo sua capacidade natural de reações e auto-regulação.

O ozônio é uma das formas em que o elemento oxigênio existe na atmosfera. O ozônio é uma molécula  triatômica instável, com átomos que podem se decompor rapidamente em oxigênio e um único átomo de oxigênio age como um forte oxidante. O ozônio é obtido a partir do oxigênio puro, fragmentando os elos moleculares com a ajuda da eletricidade produzida por um gerador. Ele tem sido usado para fins médicos desde o início do século XX. 

O ozônio penetra nas células e restaura suas capacidades originais, que foram enfraquecidas pela acumulação de resíduos, toxinas e restos de tratamentos medicamentosos passados. Por isso, os médicos afirmam  que o  ozônio exerce um efeito positivo no suprimento de oxigênio e nutrientes das células, comumente usado na odontologia e dermatologia,  melhora os processos imunológicos, inibe processos inflamatórios, tem ação anti-bacteriana e fungicida, melhora as propriedades reológicas do sangue e não apresenta efeitos colaterais. Consequentemente, a ozonioterapia pode ser considerada como um método eficaz de tratamento.

A verdade é que se têm muitas pesquisas científicas sobre o assunto, mas os mecanismos exatos da terapia de ozônio ainda permanecem obscuros. Portanto, mais evidências são necessárias antes que o ozônio possa ser apresentado como um método promissor para o manejo e prevenção de várias doenças. [NCBI]








  • Comentários do Blog
  • Comentários do Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Avaliado item: Já ouvi falar em Ozonioterapia? Descrição: Classificação: 5 Revisado por: Adriana Cordeiro